Badosa e Collins confirmam favoritismo no Masters 1000 de Roma; Muguruza é eliminada

Espanholas vivem situações opostas na capital italiana diante de tenistas de Belarus e Casaquistão

ESTADãO


EFE/ETTORE FERRARI

A espanhola Paula Badosa, terceira do ranking mundial, garantiu vaga nas oitavas de final do Masters 1000 de Roma, nesta quarta-feira, ao derrotar a tenista de Belarus Aliaksandra Sasnovich, por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1.

Badosa, de 24 anos, não deu chances para a rival, número 50 do mundo, em nenhum momento da partida. Com ritmo intenso, a espanhola foi aprimorando seu jogo durante os games e não teve dificuldade para obter a vitória. Na próxima rodada, sua adversária será a russa Daria Kasatkina, número 23 do ranking.

Nadal e Swiatek arrasam adversários em suas estreias em Roma

Outra espanhola caiu na capital italiana. Foi Garbiñe Muguruza, décima do ranking, que perdeu para Yulia Putintseva, do Casaquistão, 40 do mundo, por 2 a 1, com parciais de 3/6, 7/6 (7/4) e 6/1. A americana Danielle Collins passou pela romena Simona Halep com 7/6 (7/1) e 6/3.

No masculino, o argentino Diego Schwartzman se despediu do torneio, ao ser derrotado pelo americano Marcos Girón, também em dois sets: 6/1 e 7/6 (7/4). Em contrapartida, dono de três títulos em Grand Slam, Stan Wawrinka voltou a mostrar boa produção em seu segundo torneio após um longo período inativo por causa de lesões em seu pé esquerdo. O suíço eliminou o sérvio Laslo Djere em três sets: 7/6 (10/8), 3/6 e 6/4.

No masculino: Jenson Brooksby venceu David Goffin (6/0 e 7/6), Jannick Sinner bateu Fabio Fognini (6/2, 3/6 e 6/3) e Marin Cilic eliminou Cameron Norrie (5/7, 6/2 e 6/1). No feminino: Cori Gauff bateu Madison Brengle (6/2 e 6/4) e Anhelina Kalinina ganhou por WO de Jessica Pegula.



COMENTÁRIOS